Sexta-feira
22 de Janeiro de 2021 - 
ADVOCACIA - SUBLIME MISSÃO
SEU DIREITO VALORIZADO

ACESSO

Seu e-mail
Senha
ACESSO A PROCESSOS E CADASTROS

Previsão do tempo

Hoje - Manaus, AM

Máx
30ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva

Sábado - Manaus, AM

Máx
31ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva

Domingo - Manaus, AM

Máx
31ºC
Min
24ºC
Chuvas Isoladas

Segunda-feira - Manaus, AM

Máx
29ºC
Min
24ºC
Chuva

Hoje - Brasília, DF

Máx
28ºC
Min
17ºC
Poss. de Panc. de Ch

Sábado - Brasília, DF

Máx
28ºC
Min
17ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - Brasília, DF

Máx
27ºC
Min
15ºC
Predomínio de

Segunda-feira - Brasília, DF

Máx
27ºC
Min
17ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - Campinas, SP

Máx
29ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - Campinas, SP

Máx
28ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - Campinas, SP

Máx
29ºC
Min
19ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Campinas, SP

Máx
29ºC
Min
19ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
20ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
21ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - São Paulo, SP

Máx
28ºC
Min
21ºC
Chuva

Segunda-feira - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Nova Iguaçu, RJ

Máx
32ºC
Min
24ºC
Poss. de Panc. de Ch

Sábado - Nova Iguaçu, RJ

Máx
31ºC
Min
24ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Nova Iguaçu, RJ

Máx
31ºC
Min
24ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Nova Iguaçu, ...

Máx
31ºC
Min
25ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Queimados, RJ

Máx
33ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Sábado - Queimados, RJ

Máx
33ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Queimados, RJ

Máx
34ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Queimados, RJ

Máx
35ºC
Min
22ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
32ºC
Min
24ºC
Poss. de Panc. de Ch

Sábado - Rio de Janeiro, RJ

Máx
31ºC
Min
24ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Rio de Janeiro, RJ

Máx
31ºC
Min
24ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Rio de Janeiro...

Máx
31ºC
Min
25ºC
Parcialmente Nublado

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

NOTICIAS

2ª Turma suspende efeitos de condenação imposta ao prefeito reeleito de Duque de Caxias (RJ)

Por maioria de votos, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu os efeitos da condenação imposta pelo colegiado ao prefeito de Duque de Caxias (RJ), Washington Reis (MDB-RJ), até o julgamento dos embargos de declaração interpostos por ele na Ação Penal 618. Em razão da condenação, Reis teve sua candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), mas pôde disputar o pleito com base em liminar concedida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) e foi reeleito no primeiro turno. Em 2016, quando ocupava o cargo de deputado federal, Reis foi condenado a 7 anos, 2 meses e 15 dias de reclusão, em regime inicial semiaberto, e ao pagamento de 67 dias multa, por danos ambientais em unidade de conservação e parcelamento irregular do solo, no período em que foi prefeito de Duque de Caxias. Os delitos estão previstos na Lei de Crimes Ambientais e na Lei sobre Parcelamento do Solo Urbano. Nos embargos de declaração, a defesa de Reis alega que a condenação se baseou em elementos colhidos durante o inquérito que não foram submetidos ao contraditório e pede sua absolvição. O julgamento começou em 2018, mas foi convertido em diligência para ouvir o Ministério Público Federal sobre novas alegações da defesa, entre elas a de que outra pessoa processada pelos mesmos fatos foi absolvida. Em outubro de 2020, o atual relator da ação, ministro Edson Fachin, indeferiu a concessão de efeito suspensivo aos embargos e remeteu pedido de reconsideração ao Plenário. Por sua vez, o presidente da Segundo Turma, ministro Gilmar Mendes, em questão de ordem, considerou necessário que o colegiado decidisse se a continuidade do julgamento seria na própria Turma ou no Plenário. Na sessão de 17/11, o ministro Edson Fachin manteve seu posicionamento de que, quando o Plenário declinou para as Turmas da competência para processar e julgar ações penais contra parlamentares federais, a remessa dos processos ocorreu no estágio em que estavam. De acordo com ele, na nova mudança regimental, agora devolvendo essa competência para o Plenário, a decisão foi no mesmo sentido. Também na sessão de 17/11, o ministro Gilmar Mendes, ao abrir pergência, afirmou que, mesmo com a alteração regimental, caberia à Turma, que já havia iniciado o julgamento dos embargos, concluir sua análise. Segundo ele, a remessa dos autos ao Plenário violaria o princípio do juiz natural. Para Mendes, a concessão de efeito suspensivo, neste caso, é necessária, pois, caso os embargos não sejam examinados até a data prevista para a diplomação dos eleitos, prevalecerá a decisão do TRE-RJ que indeferiu a candidatura. Ele foi acompanhado, na sessão desta terça-feira (24), pelos ministros Ricardo Lewandowski e Nunes Marques. Leia mais: 13/12/2016 - Deputado federal do RJ é condenado por crimes ambientais e loteamento irregular
24/11/2020 (00:00)
Visitas no site:  7098469
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.